LEIA TAMBÉM

QUINTERO – MEIO CAMPO – RENNES

Hoje nossa análise é sobre o meio campo colombiano Juan Quintero, jogador do Rennes da França, nascido em 1993.

Quintero - Perfil

Quintero foi formado nas categorias de base do Envigado e estreou profissionalmente em 2009. Em 2012 foi comprado pelo Atlético Nacional, clube pelo qual não conseguiu se efetivar como titular. Em 2013 acertou sua transferência para o Pescara da Itália, aonde atuou em 17 partidas, sendo 12 delas como titular.

Após disputar o Mundial Sub-20 com a Colômbia, Quintero foi comprado pelo Porto. Em Portugal atuou em 63 partidas, 16 apenas como titular, marcou 07 gols e deu 11 assistências. Pouco aproveitado no Porto, Quintero foi emprestado ao Rennes da França, pelo qual atuou em 14 partidas, 09 como titular, marcou 01 gol e deu 02 assistências.

Pela seleção da Colômbia estreou em 2012 e já atuou em 13 partidas, sendo 05 como titular. Disputou a Copa do Mundo de 2014, participando de 03 jogos e sendo titular em 01. Foi autor de um dos gols na partida contra a Costa do Marfim pela fase de grupos.

Quintero - Posicionamento

Trata-se de um meio campista que atua na penúltima ou antepenúltima linha do time. Normalmente é o meio campo interno em esquemas 4-1-4-1 ou o jogador centralizado em esquemas 4-2-3-1 ou 4-1-4-1-1.  Não é um jogador que tem facilidade em atuar em posição de amplitude, tendo mais rendimento ocupando posições centrais dentro do campo.

Quintero transita no segundo terço do campo com bastante naturalidade. É um meio campista que busca acompanhar a bola e estar sempre presente nos momentos de organização. O colombiano se movimenta muito horizontalmente e verticalmente para buscar jogo e criar opções de passes.

Quintero - Mapa de Calor

Mapa de Calor ———->

FASE OFENSIVA

Quintero é um organizador de jogo, sendo muito importante no momento de transição e construção. Trata-se de um distribuidor de bolas que atua criando espaços através de passes curtos e deslocamentos. Na fase de transição não hesita em recuar até a primeira linha para participar do inicio da jogada. Prefere e tem o costume de jogar de frente para o adversário, dessa maneira consegue potencializar sua boa visão de profundidade

Quintero - Fase Ofensiva - Construção recuada

Construção de jogo

Com a bola nos pés, Quintero procura acionar os companheiros com passes curtos para criar pequenos espaços entre as linhas adversárias. Nesse quesito tem 88% de aproveitamento, realizando em média 57 passes por jogo. Os passes longos infiltrantes também são característicos de Quintero, que realiza em média 5.3 por jogo e tem aproveitamento de 69%. 

Quintero - Fase Ofensiva - Construção

Posse de bola e tabelas curtas.

Sem a bola, Quintero é um jogador que se movimenta muito ao redor dela. Se desloca sempre procurando estar no campo de visão do portador para que logo seja acionado e de sequência a construção ofensiva. É com esse tipo de ação que o jovem colombiano faz com que o time avance pelo terreno.

Quintero - Fase Ofensiva - Busca posicionamento entre as linhas

Criação de opção para o portador da bola

Quintero é um jogador que tem qualidade técnica e costuma levar vantagem no enfrentamento 1×1. Apresenta um aproveitamento de 84.4% nos duelos ofensivos  e realiza em média 04 dribles por jogo. Entretanto, por vezes perde boas oportunidades de infiltrações e projeções por lhe faltar verticalidade e um pouco de intensidade.

Quintero - Fase Ofensiva - Prefere o passe no pé e não a infiltração

Espera o passe no pé e não se projeta.

Em média, Quintero disfere 1.6 remates a cada 90 minutos e acerta o alvo em 33% das ocasiões, já contabilizadas as cobranças de bola parada. Em faltas laterais e escanteios, o colombiano é extremamente perigoso e demonstra qualidade acima da média.

O meio campista colombiano tem boa velocidade, agilidade e razoável força física. Dessa maneira poderia ser mais incisivo para romper linhas e criar desequilíbrio na defesa adversária. Entretanto não é o que acontece, sua qualidade técnica e visão de jogo ficam muito concentradas na região da intermediária e menos na região de finalização.

Quintero - Fase Ofensiva - Pouca aproximação com a área

Distância da região de finalização.

FASE DEFENSIVA

O futebol europeu ensinou Quintero a participar das ações defensivas. É um jogador que se bem orientado tem capacidade de realizar com efetividade a recomposição e a marcação pressão na saída de bola adversária.

Quintero - Fase Defensiva - Primeiro terço

Bloqueio e composição de linha de marcação

Não se tem dúvidas da capacidade técnica de Quintero. Trata-se de um jogador acima da média para os padrões sul-americanos e que no primeiro momento seria titular em qualquer equipe do continente. Existem pontos de melhorias em seu futebol que o fizeram não alcançar o que se esperava dele no futebol europeu. Entretanto é novo e pode retomar o processo de ascensão.

TABELA ESTATÍSTICA

Tabela Estatistica Quintero

Jogos observados:

Rennes 0x1 Saint Étienne – 04/02/2016

Bordeaux 4×0 Rennes – 31/01/2016

Rennes 1×0 Ajaccio – 22/01/2016

Rennes 2×2 Lorient – 09/01/2016

Rennes 0x1 PSG – 30/10/2015

Porto 2×0 Penafiel – 22/05/2015

Porto 1×0 Académica – 18/04/2015

Boavista 0x2 Porto – 23/02/2015

Marítimo 1×0 Porto – 25/01/2015

Colômbia 2×1 Costa do Marfim -19/06/2014

Japão 1×4 Colômbia -24/06/2014

Brasil 2×1 Colômbia – 04/07/2014

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: